Deficiência de Testosterona: o Que é?

A deficiência de testosterona indica o quadro clínico dado pelos baixos níveis desse hormônio. É fácil confundir os sintomas com os do envelhecimento normal. Para um diagnóstico correto, é importante ir ao médico e fazer os exames adequados.

No passado, a deficiência de testosterona tendia a estar associada ao avanço da idade. É verdade que a partir dos 50 anos os níveis desse hormônio caem, mas isso também pode ocorrer na juventude.

Este distúrbio afeta não apenas a atividade sexual do homem, mas sua saúde em geral. Os sintomas são díspares e até mesmo os médicos podem ter dificuldade em detectar uma deficiência de testosterona .

Sintomas e diagnóstico de deficiência de testosterona

Os hormônios sexuais masculinos e seus metabólitos atuam em diferentes órgãos, causando diversos sintomas. Alguns podem até passar despercebidos ou causar doenças muito leves, outros são mais graves:

  • Redução do desejo sexual
  • Disfunção erétil
  • Fadiga e falta de energia
  • Densidade mineral óssea inferior
  • Perda de cabelo
  • Aumento da massa gorda
  • Alterações metabólicas e resistência à insulina

Para fazer um diagnóstico correto, exames de sangue devem ser realizados para detectar os níveis de testosterona no sangue. Os baixos níveis desse hormônio, na presença dos sintomas descritos acima, permitirão o diagnóstico de deficiência de testosterona.

Existe um tratamento?

O tratamento é muito simples e oferece resultados positivos em nenhum momento. Os suplementos de testosterona ou para combater impotência sexual como o libid man caps são administrados por capsulas naturais ou por gel aplicado na pele.

Os sintomas mais leves desaparecem ou diminuem nas primeiras semanas, os mais graves podem durar até três meses. Cada corpo tem ritmos diferentes, mas o tratamento é possível em qualquer caso.

A qualidade de vida vai melhorar consideravelmente com este tratamento simples. O corpo irá gradualmente equilibrar os processos de regulação do desenvolvimento de gordura, insulina e músculo. Ao mesmo tempo, há uma melhora no humor e na autoestima.

Possíveis consequências da deficiência de testosterona

A fadiga e o cansaço serão os primeiros sintomas observáveis ​​e podem afetar as relações pessoais e a vida do paciente.

Os baixos níveis de testosterona podem causar doenças de vários tipos, especialmente em indivíduos mais velhos. Dificuldades físicas e psicológicas são consequências importantes da redução do hormônio sexual masculino. Entre as consequências mais comuns, encontramos:

  • Perda de energia e fadiga que afetam o ritmo de vida do paciente. O corpo não pode responder normalmente.
  • Diminuição da força como resultado da diminuição da massa muscular. O homem começa a sentir fraqueza.
  • Disfunções sexuais, como perda da libido ou disfunção erétil, que podem causar problemas de relacionamento.
  • Problemas profissionais e sociais causados ​​por alterações de humor.
  • Depressão e outras patologias psicológicas.
  • Em casos graves, pode causar outras doenças, como diabetes, arritmias cardiovasculares ou fraturas relacionadas à deficiência mineral óssea.

A importância da testosterona na vida de um homem

A testosterona é produzida pelos testículos. Em caso de pouca ou nenhuma produção, além de uma má resposta do hormônio, ocorre um déficit. Ambos os casos podem ser combatidos com hábitos alimentares corretos, esportes e tratamento clínico adequado.

Equilibrar os níveis hormonais é essencial para desfrutar de uma boa qualidade de vida. A testosterona não apenas promove a atividade sexual e o desejo , mas também regula vários processos fisiológicos. Mantê-lo controlado é importante para prevenir doenças graves.

Por último, mas não menos importante, os relacionamentos interpessoais também podem ser afetados por esse transtorno. A nível profissional ou social, o estado de espírito pode criar um ambiente mais ou menos difícil. Uma queda nos níveis de testosterona pode afetar negativamente isso.

Truques para fazer um hambúrguer caseiro suculento

Para comemorar o dia mundial do hambúrguer, que aparentemente é 28 de maio, nada melhor do que um hambúrguer caseiro. Sim, é verdade, eles os tornam ótimos por aí – esses dias se foram quando o hambúrguer era exatamente aquele prato que era comido em cadeias de fast food – mas em casa também podemos preparar um prato muito bom.

Eu aprendi no curso de hamburguer artesanal online que eu estudei que para obter um bom resultado, além de usar ingredientes de alta qualidade, há algumas dicas que vale a pena levar em consideração ao preparar a carne e ao cozinhar, além do ponto de cozimento.

Mas se o que queremos é fazer em casa, hambúrgueres suculentos que não tenham nada a ver com as cadeias de lixo, precisamos levar em consideração alguns truques desde o momento da compra da carne até o momento de servi-la.

Carne de qualidade. 

É óbvio, mas lembre-se: um bom hambúrguer começa com carne picada de qualidade. E levando em conta que os preparados de carne geralmente não são muito bons em análises de qualidade , é muito melhor escolher uma peça e pedir para ser mordida no mercado. E, em qualquer caso, sempre escolha carne picada e não carne de hambúrguer .

20% de gordura. 

Não que exista uma fórmula matemática, mas combinar 70-80% de carne magra com 20 a 30% de gordura é uma boa ideia para obter um hambúrguer suculento.

No caso dos hambúrgueres de frango, se não usarmos apenas peito, mas também adicionarmos carne na coxa, eles serão mais saborosos e macios.

Adicione o ovo, a cebola e a farinha de rosca. 

Para preparar nosso hambúrguer caseiro, podemos usar apenas carne ou adicionar outros ingredientes à massa para dar suculência e sabor, como ovo batido, cebola previamente escalfada, condimentos e farinha de rosca. Esta versão lembra mais a dos avós dos hambúrgueres: os “bifes russos”.

De qualquer forma, existem aqueles que preferem não mascarar o sabor da carne – especialmente se for de qualidade -, por isso moderação ao temperar com temperos ou adicionar esses ingredientes.

Não é deixe grosso ou muito pressionado.

 Aproximadamente 150-200 gramas são aproximadamente o tamanho ideal para que a carne seja crocante por fora e suculenta por dentro.

 Também é muito importante, ao modelar o hambúrguer, não pressioná-lo muito, apenas o suficiente para que não se desfaz quando você o coloca na chapa ou na frigideira. Hambúrgueres de frango, mais finos, porque devem ser bem feitos por dentro.

Fogo

Um forte golpe de fogo ao começar a selar a carne e um calor mais moderado posteriormente, para que seja feito sem secar e sem um exterior dourado. 

Se você escolher uma temperatura, fogo médio-alto e uma assadeira ou frigideira antiaderente, embora devido à gordura da própria carne, não devemos ter problemas ou adicionar óleo.

3-4 minutos de cada lado. 

Um hambúrguer de carne não deve ter mais de 3-4 minutos de cada lado. É o ponto perfeito para obter uma carne macia e suculenta que mantenha todo o seu sabor. Se deixarmos por mais tempo, perderemos todas essas nuances e a mordida será muito menos agradável.

 A partir daí, obviamente, cada um escolhe o ponto de cozedura que mais gosta, o que não significa fazer uma lei de hambúrguer tanto quanto gostamos mal cozida ou ao ponto.

Dicas Sobre Ansiedade e Depressão

Muita gente nem imagina, mas a depressão e a ansiedade são transtornos que caminham juntos, de mãos dadas. No entanto, os sintomas, as causas e os tratamentos são bem diferentes.

Ao todo, mais de 300 milhões de pessoas apresentam depressão no mundo inteiro, de acordo com os dados da OMS (Organização Mundial da Saúde).

Somente no Brasil, os números chegar a cerca de 11, milhões de pessoas já diagnosticadas.

O que acontece é que a maioria dos brasileiros não é somente deprimido, mas também apresenta altos níveis de ansiedade.

Somente em 2017, o Brasil contava com cerca de 18,6 milhões de pessoas apresentando esse distúrbio, o que representava quase 10% da população.

O que acontece é que, realmente, em certos casos, os sintomas de ambos distúrbios podem se confundir, bem como pode acontecer de ambos se manifestarem juntos.

No entanto, o que nunca pode ser esquecido é que depressão é uma coisa e ansiedade é outra, sendo que cada uma delas tem suas próprias causas, sintomas e tratamentos. Um tratamento em comum para ambas é o Captril natural para depressão, um suplemento natural muito bom, outra coisa que  não muda entre elas é que ambas precisam de acompanhamento profissional!

Para isso, o mais importante é aprender como diferenciar esses problemas a fim de poder identificar quando se trata de uma ou de outra.

Entendendo a depressão

A depressão é uma doença já bastante antiga, embora tenha atingidos números mais expressivos nos últimos anos, lembrando que fatores genéticos podem aumentar a pré-disposição à ela.

Além disso, mesmo sem exames laboratoriais ou sintomas físicos palpáveis, a depressão é uma doença sim e deve ser tratada como tal.

Dentre as principais causas, podemos citar o estresse, desequilíbrios metabólicos ou hormonais, ambientes de constante competição, falta de afeto e outros.

Ela também pode se manifestar depois de um episódio de luto ou de algo que cause uma tristeza mais intensa.

Dentre os sintomas, podemos citar a sensação constante de culpa, excesso de pensamentos negativos persistentes, sensação de inutilidade, tristeza, baixa autoestima e desânimo para tudo.

Ansiedade

Sabe quando você está paquerando alguém e sente aquele friozinho na barriga? Sabem também aquele medo de ir mal em uma prova? Isso tudo é considerado ansiedade e é um sentimento normal do ser humano.

No entanto, quando esse sentimento se torna muito intenso ou passa a ocorrer com uma frequência muito elevada, pode causar prejuízos para o funcionamento do corpo e da mente.

Nesses casos, o problema é classificado como um distúrbio de ansiedade, caracterizado principalmente por um grande medo, preocupação ou tensão exagerada a uma situação ou condição.

Como Aumentar o Pênis Com Segurança

Muitos homens acreditam que grande parte de sua masculinidade é definida pelo tamanho de seu pênis, e é por isso que a maioria deles deseja saber como aumentar o penis para que possa satisfazer sua parceira e se sentir mais seguro na relação.

Atualmente, existem métodos muito eficazes para aumentar o pênis, mas alguns ainda têm medo de arriscar lesões ou, pior ainda, uma potencial perda de funcionalidade.

Em alguns casos, situações extremas podem realmente ocorrer, mas isso geralmente acontece quando a pessoa não segue as indicações sugeridas ou ignora os sinais do corpo que alertam sobre uma execução incorreta nos exercícios e nos treinamentos.

Se você deseja ter acesso a um método secreto com técnicas avançadas para ter um pênis maior, leia o manual para aumento do pênis e siga as instruções passo a passo. Fiz isso, acompanhando os exercícios com a ingestão diária do suplemento alimentar, e obtive resultados surpreendentes.

Antes de aprender como aumentar o tamanho do pênis naturalmente, é útil lembrar que:

  • Todos os métodos propostos funcionam a médio e longo prazo . Os métodos naturais para mudar nossos corpos nunca oferecem resultados imediatos, eles sempre exigem um período razoável antes que apareçam. O aumento do pênis não é uma exceção, por isso levará vários meses antes de ver qualquer resultado. Basta pensar, por exemplo, em quanto tempo leva para desenvolver músculos na academia ou criar uma dilatação no ouvido. Então esqueça mudanças repentinas ou resultados mágicos durante a noite; são processos que precisam de tempo e perseverança para realmente funcionar.
  • Constância . Devemos aprender a usar métodos naturais de maneira consistente, praticando-os todos os dias, inclusive calculando uma pausa semanal. Os resultados serão sempre proporcionais à sua dedicação e ao esforço empregado para seguir o método escolhido. Como com qualquer alteração em nosso corpo, o aumento do pênis também pode envolver certos riscos.
  • Muitos homens, almejando obter resultados o mais rápido possível, o que os leva a exagerar, obtendo frequentemente efeitos colaterais perigosos. É claro que, com o devido cuidado, é possível obter bons resultados em tempo razoável. Paciência, dedicação e não excedendo o exercício são as palavras-chave para alcançar resultados efetivos. Aqui estão algumas sugestões válidas para alcançar seu objetivo com sucesso.

Como aumentar seu pênis naturalmente?

Existem dois métodos de aumento natural do pênis que realmente funcionam e garantem resultados duradouros, e com os quais é possível, se realizado corretamente, evitar lesões ou irritações.

  • A masturbação  é um princípio fundamental para obter bons resultados, alongar a pele e acompanhá-la com uma estimulação adequada que permita alcançar uma maior capacidade de deixar o sangue fluir, causando consequentemente um aumento no volume do pênis.
  • Os exercícios manuais.  Para aprender a aumentar o pênis naturalmente, é essencial começar na fase de aquecimento e preparar o pênis para funcionar corretamente. Em seguida, faça massagens, aplicando pressão com os movimentos dos dedos que partem da base e atingem a glande, sempre com a lubrificação necessária para evitar irritações. A rotina inclui uma fase de relaxamento a cada 10 repetições de 30 segundos, durante um total de 20 minutos por dia.
  • Pesos para o pênis . Estes são pequenos pesos que literalmente “penduram” no pênis, causando uma expansão da pele e a capacidade de fornecer sangue com um consequente aumento no tamanho do próprio pênis.
    A melhor estratégia para trabalhar com segurança é começar com pesos leves. Tenha cuidado, pois a adição de pesos pesados ​​pode ter sérias conseqüências e até causar ferimentos graves.

Uma recomendação especial ; com base na minha experiência e testemunho, quero mostrar o método que usei para alongar meu pênis sem precisar passar por cirurgia ou comprar medicamentos caros.

Este método é conhecido por apenas 3% dos homens . Decidi abrir este site para divulgá-lo e explicar como esse método funciona, as vantagens e desvantagens dessa escolha.

Dicas Para Controlar uma Ereção

Infelizmente hoje alguns assuntos que estão diretamente relacionados à saúde física e emocional das pessoas, ainda são tratados como tópicos tabu. Por esta razão, em muitas ocasiões, é preferível calar a boca e não pedir ajuda e procurar uma solução adequada para esta situação.

Esse tipo de problema não permite que os homens que sofrem com isso e desfrutem de uma vida sexual plena, levando em conta que eles também são afetados em outras áreas de sua vida pela mesma razão.

Quando falamos de problemas para controlar e manter uma ereção masculina, nos referimos a todos os homens que não conseguem terminar com sucesso um relacionamento sexual.

Neste artigo de psicologia on-line: como controlar uma ereção, vamos deixar você saber em detalhes algumas dicas para que você possa superar este problema, no entanto você deve ter em mente que é essencial, sobre o seu problema tornou-se crônica que você consulta com um profissional que lhe ofereça o tratamento adequado de acordo com sua situação específica.

Dicas para manter uma ereção masculina

Se o seu problema é porque você não pode manter uma ereção durante a relação sexual e isso está lhe trazendo problemas em um nível psicológico e até mesmo com o seu parceiro. Sempre há coisas que você pode fazer para melhorar a ereção, uma delas é fazer o uso de estimulante sexual, somente usando estimulante você pode melhorar esse problema, mas se o seu caso for fator psicológico o uso de estimulante não resolve. Algumas dicas que ajudarão você a manter uma ereção e combater a disfunção erétil são:

  • Reduza o estresse em sua vida diária. Está comprovado que os homens que estão sob estresse constante, seja por terem problemas econômicos, excesso de trabalho ou qualquer outro tipo de problema que gere constantes preocupações e, portanto, seus níveis são sempre altos, são mais propensos a sofrer de disfunção erétil. Então, se este é o seu caso, você precisa começar a fazer uma mudança e modificar certas rotinas diárias que o mantêm estressado o tempo todo.
  • Durma bem. Quando você não está dormindo adequadamente, ou seja, dormindo menos de 6 horas por dia, os níveis de testosterona diminuem e, portanto, a libido e a capacidade de ter uma ereção diminuem. Por isso, é aconselhável ter um sono adequado e dar a importância que merece para descansar.
  • Diminuir o consumo de álcool. Lembre-se que o álcool é uma substância depressiva , portanto, quando você consome grandes quantidades de álcool, isso fará com que você tenha dificuldades em manter uma ereção.
  • Faça exercício físico. Quando nos exercitamos, liberamos certas substâncias químicas em nosso cérebro, como as endorfinas, que nos ajudam a melhorar nosso humor e, portanto, experimentam o sexo com mais agrado.
  • Diminua o consumo de tabaco. Está provado que fumar aumenta regularmente as chances de sofrer de disfunção erétil. Isso ocorre porque o seu consumo danifica o revestimento dos vasos sanguíneos, dificultando a circulação correta do sangue e, portanto, da massa muscular do pênis.

Como alongar e engrossar o pênis

Você quer aprender como aumentar o pênis naturalmente em casa? Você quer parar de sentir vergonha ao mostrar seu pênis? Para isso existe várias soluções no mercado.

Muitas pessoas aqui no brasil fazendo o uso do creme para aumentar o tamanho do pênis, isso porque ele contém em sua formula somente produtos naturais, e pode ser usado por qualquer pessoa.

Entendemos que sentir-se confiante com o tamanho do seu pênis é essencial para que você se sinta confiante ao fazer sexo. Nós queremos que você desfrute plenamente da sua sexualidade masculina, já que não há nada mais rico do que ter sexo despreocupado.

Não arrisque sua saúde

O aumento natural do pênis funciona se feito corretamente, e consiste em exercícios manuais que são seguros. Evite bombas penianas  que são perigosas, pílulas para aumentar o pênis  que têm efeitos colaterais ou remédios caseiros que só fazem você perder seu tempo.

Os exercícios são feitos rapidamente e são o caminho real para aumentar o tamanho do pênis sem perigo.

Infelizmente, muitos caras que querem alongar seu pênis fazem tudo errado. Eles seguem o programa errado, não seguem as instruções dos exercícios e não conhecem alguns segredos para fazer tudo funcionar corretamente.

O tamanho do seu pênis realmente importa?

É normal que você procure uma maneira de crescer seu pênis, como muitas mulheres dizem que o tamanho não importa para elas não ferir os sentimentos do homem, mas em uma pesquisa com 10 mil mulheres uma descoberta surpreendente foi feita sobre o que elas realmente sentem sobre o tema.

Como você pode ver na pesquisa, a maioria das mulheres se preocupa com o tamanho do pênis, mas apenas fala sobre isso entre seus amigos ou esconde-o de seus parceiros.

Se você quiser se sentir sexualmente seguro e satisfazer qualquer mulher com quem tenha relações sexuais, continue lendo.

Jelqing: a fórmula para fazer o pênis crescer

Embora existam muitas maneiras de alongar o pênis, agora foi confirmado que é a técnica de alongamento natural mais eficaz no momento.

Muitos anos de experimentação e sucesso provaram que jelqing é a maneira mais segura e eficaz de alongar e engrossar seu pênis.

Depois de aplicar esses exercícios manuais para fazer o pênis crescer, você deixará para trás o medo de uma mulher tirando sarro de você por não ter um órgão viril maior.

Estes exercícios manuais são a chave para alongar e engrossar permanentemente o pênis. Em apenas algumas semanas você ficará surpreso com o tamanho do seu membro masculino.

Neste site vamos explicar os benefícios do jelqing e como aplicá-lo com segurança para não afetar a saúde do seu pênis.

Além dos homens, muitas mulheres sente falta de desejo sexual, e também tem uma solução para essas mulheres, muitas estão fazendo o uso do libid woman caps  que é um estimulante natural e está resolvendo o problema.

Benefícios do jelqing

  • Melhore o seu desempenho sexual: Estes exercícios para aumentar o pénis não só o ajudam com tamanho, mas também aumentam o seu desempenho sexual. Como isso é possível? Este método melhora o fluxo sanguíneo no pênis, o que ajuda a aumentar sua resistência durante o sexo.
  • Melhore sua qualidade de vida: Você está cansado de sentir que tem um pequeno membro masculino? Viver com frustração sexual certamente afetará sua qualidade de vida. Ter um pênis maior ajudará você a gostar mais de sexo sem sentir a ansiedade de uma possível humilhação.
  • Ela ajuda a ter mais sexo: Mesmo se você quiser para ter relações sexuais com uma mulher, certamente você sente vergonha de sentir que você tem um pênis pequeno e você não pode agradar a ela na cama, ou ainda pior, ela vai rir na sua cara quando você sair do calça Ao eliminar esse problema, você se sentirá seguro e poderá levar as mulheres para a cama e satisfazê-las sexualmente.

Como funciona?

A base científica do jelqing é que o corpo humano tem uma tendência natural a hipertrofiar (crescimento de células musculares) quando uma pressão controlada é exercida sistematicamente, semelhante ao efeito das pessoas levantando pesos.

Esses exercícios buscam forçar mais sangue nos corpos cavernosos (tecidos esponjosos no interior do pênis). Com o passar do tempo, esses espaços se esticam cada vez mais, permitindo que uma quantidade maior de sangue flua para a área, o que garante que o pênis aumente em espessura e aumente mais.

A dieta dissociativa é boa? Descubra aqui

As dietas dissociativos não favorecem uma dieta equilibrada, especialistas em nutrição aponta. Dietas milagrosas, como comentei em várias ocasiões, não são uma boa escolha se nosso objetivo é perder peso de maneira duradoura e saudável.

Na atualidade, a melhor forma de emagrecer de forma bem rápida e saudável, e fazendo o uso de um suplemento natural para perda de peso, juntamente com execícios físicos e educação alimentar, essa é a melhor forma para emagrecer de forma rápida e natural, mas seguindo as dicas abaixo, você conseguirá um bom resultado também.

Considerações sobre a dieta dissociativa

E o início do bom tempo geralmente traz consigo a vontade de perder peso  acumulado durante o inverno e, às vezes, o desejo de recuperar o tamanho rapidamente leva a depender de dietas que prometem alcançar nosso objetivo de forma simples e Sem esforço.

No entanto, esses planos nutricionais têm um impacto deletério na saúde e contribuem para o subsequente ganho de peso.

A dieta dissociativa é baseada na teoria de que a comida não ganha peso sozinha, mas quando consumida de acordo com certas combinações. Ou seja, você pode comer tudo, mas não durante a mesma refeição. Eles começam a partir de, pelo menos, dois erros de origem:

  • Por um lado, baseiam-se no fato de que o sistema digestivo realiza a digestão de cada um dos nutrientes de forma independente
  • Por outro lado, classificam os alimentos de maneira simples, evitando que sejam muito mais complexos do que parecem

Além disso, um dos principais problemas da dieta dissociativa pode ser o efeito rebote . Ou seja, durante o tempo que esse plano de perda de peso é seguido, o metabolismo basal diminui, mas quando a dieta usual é retornada, o peso que foi perdido com muito mais simplicidade e velocidade é recuperado.

Siga os preceitos de dietas milagrosas, como no caso da dieta dissociativo em vez de ajudar-nos dói, que deve ser manter o mais equilibrada, variada e moderada dieta possível e complementar isso com o exercício, e tentar a levar uma vida como o mais silencioso possível para manter baixos os níveis de cortisol.

Veja mais dicas para emagrecer no vídeo abaixo:

3 Dicas Para Limpar o Umbigo

Você costuma secar bem o umbigo depois de tomar banho? Certamente sua resposta é “não”. E isso é uma parte do nosso corpo que geralmente ignoramos.No entanto, a higiene adequada pode prevenir diferentes infecções. Por esta razão, hoje você vai descobrir como limpar o umbigo de soluções naturais.

O umbigo tende a acumular umidade e sujeira, o que o torna um terreno ideal para a proliferação de bactérias. Isso pode levar a uma onfalite que, como o artigo Uracosinus aponta : uma causa incomum de onfalite recorrente em adultos , é uma infecção que geralmente está associada à má higiene do umbigo.

Limpe o umbigo naturalmente

O que é que pode fazer com que o nosso umbigo fique sujo? Alguns tecidos das roupas que colocamos, a areia na praia, a pele morta que vem naturalmente da nossa pele ou a gordura que o nosso corpo produz. Além disso, depois de nos dar um banho ou um banho, devemos garantir que a área do umbigo esteja completamente seca.

A sujeira acumulada no umbigo pode causar coceira, vermelhidão e secura excessiva. A razão? Dada a falta de higiene foram capazes de proliferar bactérias que deram origem a fungos e infecções que podem ocorrer, também, com um mau cheiro. Para evitar isso, devemos limpar o umbigo todos os dias.

1. Arvore do chá

Uma das grandes propriedades do óleo da árvore do chá é a sua capacidade antifúngica. Isso faz com que seja um verdadeiro aliado lutar contra infecções e fungos aos quais podemos ser expostos por não limpar o umbigo da maneira correta.

A melhor maneira de usá-lo para limpar o umbigo é usando um cotonete no qual colocaremos uma pequena gota de óleo de melaleuca. Então, passaremos pelo umbigo para desinfetar a área muito bem. Devemos ter cuidado para não exagerar na quantidade de óleo porque pode irritar a pele delicada do umbigo.

2. Álcool de alecrim

O álcool de alecrim é um remédio natural muito importante se sofrermos de onfalite. O mau cheiro no umbigo pode ser bastante desagradável e o álcool de alecrim nos ajudará a limpar a área, deixando um cheiro muito agradável.

Isso se deve às propriedades aromáticas do alecrim que o tornam um complemento essencial para esses casos. Além disso, não danifica a pele delicada desta área. Para aplicá-lo, também usaremos um cotonete. Recomenda-se que, anteriormente, lavássemos nosso umbigo com sabão e o secássemos muito bem.

3. Óleo de coco

O último dos recursos naturais que vamos usar para limpar o umbigo é o óleo de coco. No entanto, esta solução deve ser usada quando tivermos higienizado nosso umbigo com óleo de melaleuca ou álcool de alecrim.

O óleo de coco é muito hidratante e, de fato, muitas pessoas usam isso diariamente. No entanto, também possui propriedades que nos permitem reduzir as bactérias que foram capazes de proliferar em nosso umbigo. Portanto, usá-lo depois de ter limpado a área com as opções acima é uma boa ideia. Assim nosso umbigo estará livre de possíveis infecções e problemas.

Preste atenção em todas as partes do corpo

Até este momento é muito possível que você nunca tenha percebido que ignorou completamente o seu umbigo. De agora em diante, queremos enfatizar a importância de que, toda vez que você sair do chuveiro, você seque bem o umbigo.

Da mesma forma, se você tiver tido irritação, comichão ou vermelhidão na área do umbigo em diferentes ocasiões, nós o encorajamos a usar as soluções que propusemos pelo menos uma vez por semana. Assim, você evita e previne infecções que podem afetar esta área do seu corpo.

Caso você já tenha algum sintoma que indique que algo não está certo, não hesite em perguntar ao seu médico. Ele irá fornecer-lhe um creme adequado para resolver a infecção. Depois disso, seria aconselhável que você levasse em conta o conselho dado para evitar que a mesma coisa aconteça novamente. Você costuma limpar o umbigo? Como você faz?